Os viajantes que visitam a bela cidade chilena de Puerto Varas, em geral, pretendem aproveitar a proximidade com a Argentina para conhecer Bariloche (de ônibus gasta-se 5 horas para chegar lá). 
Para nós brasileiros, há outro excelente motivo para "esticar" a viagem até a Argentina: o preço. É muito caro viajar para Bariloche partindo do Brasil ou de Buenos Aires! De Puerto Varas, indo de ônibus, você gasta muito pouco (em 2009 pagamos cerca de R$30,00 na passagem).
Para aqueles que dispõem de tempo e desejam investir bem mais em um passeio inesquecível, há um barco que parte do Lago Todos los Santos em direção à Bariloche, mas o passeio não é barato: lembro-me de que os valores eram em torno de $300 por pessoa (valores de 2009 e em dólar).
No verão esse trajeto é feito em um dia inteiro, mas no inverno é preciso pernoitar em um cidadezinha para, no dia seguinte, continuar a viagem. Também é importante dizer que o Lago Todos los Santos não é tão grande assim que chega até em Bariloche: o percurso inclui transfers de ônibus entre os lagos chinelo e argentino.
Escolhemos o ônibus para economizar tempo e, principalmente, dinheiro. A viagem é linda, pela montanha, e é possível observar a natureza sendo transformada pela neve até ficar quase que escondida em meio aos grandes paredões brancos.
O trajeto de 5 horas seria mais curto ainda se não fosse necessário parar duas vezes no caminho para legalizar a saída de um país e, posteriormente, a entrada no outro. Mas eu achei até divertido e curioso o processo! rs 


Não tenho certeza se isso é comum, mas o nosso ônibus fez outra parada no caminho e essa foi um sucesso geral rs! O motorista parou bem na fronteira entre Chile e a Argentina, onde há um parque nacional. Na estrada havia duas grandes montanhas de neve, uma de cada lado da pista. Em cada uma delas, uma placa de "bien venidos" do país.


Eu lembro que vi vários carros parados no acostamento da estrada e fiquei pensando que uma foto ali seria realmente muito legal quando senti o ônibus diminuir a velocidade até parar! Todos desceram, mas ninguém foi tão criativo quanto o motorista e seu assistente: sacaram uma espécie de prancha e foram surfar na neve! Ainda foram super legais e emprestaram o brinquedo para um monte de passageiros! 
Depois de nos divertimos e retornarmos ao ônibus mais unidos do que nunca (hehehe) e morrendo de frio, alguns passageiros resolveram fazer café, outros começaram a servir... todo mundo se sentindo em casa! Muito engraçado! 

Dica - troque um pouco de dinheiro em Puerto Varas antes de viajar para Bariloche: você precisará ter pesos argentinos para pegar algum taxi ou ônibus até o seu hotel.

Outros posts sobre o assunto:

20 Responses so far.

  1. Anônimo says:

    Olá Luciana, gostaria muito de saber qual foi a empresa de onibus que vc foi de Puerto Varas para Bariloche, foi tranquilo?
    Grata,
    Raquel (kel_rsantos@yahoo.com.br)

  2. Luciana says:

    Raquel, a empresa é a Andesmar http://www.andesmar.com. A viagem é muito tranquila sim, com belas paisagens e estrada boa.

  3. Anônimo says:

    Muito interessante e valiosa sua descrição. Embora já se tenha passado 3 anos (2009 a 2012), acredito que na essência seu conteúdo ainda é atual. PARABÉNS! Eu gostaria de receber três informações suas: 1) com qual antecedência você adquiriu a passagem e onde a adquiriu? 2) pagou com cartão de crédito, ou sabe se eles aceitam cartão como forma de pagamento? 3) câmbio de moeda chilena por argentina pode ser feito tambám na fronteira, ou somente em Puerto Varas? E como você "se livra" dos pesos chilenos se pretende seguir de Bariloche a Buenos Aires, em vez de retornar ao Chile?

  4. Luciana says:

    OLá! Eu comprei as passagens de ônibus um dia antes (só para me organizar com os horários e não perder tempo); creio que as empresas de ônibus aceitam cartão de crédito internacional sim, mas paguei com dinheiro na época; você encontra casa de câmbio no centrinho de Puerto Varas. Recomendo que você troque um pouco de dinheiro lá antes da viagem para a Argentina, porque você vai precisar para pegar um ônibus ou taxi até o hotel quando chegar na cidade. Se você optar pela viagem de barco, compre o quanto antes!

  5. Anônimo says:

    Olá Luciana! Ótimas dicas as suas...
    Pretendo ir em setembro para Puerto Varas, fazendo a travessia para Bariloche de ônibus. Gostaria de saber de você se a viagem é segura, mesmo com neve. Ví num outro blog que a pessoa viu vários carros acidentados que nem foram resgatados há anos, que o motorista era tranquilo demais, fumando, correndo e conversando com o cobrador, não curto muito esse tipo de aventura, gosto de sentir segurança... fiquei com receio depois disso. Qual foi a sua opinião em relação à estrada, motorista e condições do ônibus?

  6. Luciana says:

    Setembro é o finalzinho do inverno, não tenho certeza se você pegará neve assim como imagina. A estrada é boa, eu não me preocuparia com isso. Eu já li sobre esses problemas de estrada, mas não é nessa região da fronteira Chile-Argentina e sim na área das geleiras, como El Calafate. Problemas com motoristas de ônibus não tem como prever: você pode dar sorte ou azar, assim como em qualquer outro lugar do mundo. Eu não tive nenhum problema e em nenhum momento do percurso me senti insegura sobre qualquer coisa que seja. Considere ir de barco, caso se sinta melhor.

  7. Oi Luciana! Sensacional teu post! Parabens pelo texto e informacoes.
    Gostaria de te perguntar se sabes que caminho (rota/estrada) este onibus fez de PVaras a Bariloche. Te pergunto isso pois (se tudo der certo!!!) vou estar de carro em PVaras e pretendo ir a Bariloche partindo do Chile para a Argentina. Vi nos mapas (Google) que existe uma estrada mas a distancia é de quase 650km!!! Imagino que este onibus tenha feito um caminho alternativo, ja que demorou cerca de 5hs. O caminho que vi no Google é longo, pois temos que subir ate cerca de Villarica (quase 300km) e voltar tudo pro sul depois no lado argentino... E estou desconfiado que existe uma outra rota...

  8. Luciana says:

    Puxa Fábio, infelizmente eu não tenho essa informação. Boa viagem para você!

  9. Juliana says:

    Olá Luciana! Procurei tudo aqui e não achei... Vou para o Chile em janeiro e gostaria de fazer o cruce dos lagos, porém queria fazer a meia travessia, ou seja, não indo até bariloche... acho que pára em Peulla. Você sabe qual empresa que faz essa meia travessia?
    Obrigada desde já!! Abraços.

  10. Luciana says:

    Juliana, infelizmente não sei. Pergunte no hotel que você ficará hospedada, quem sabe eles possam te ajudar.

  11. Anônimo says:

    Luciana, suas informações me tranquilizaram muito, eu e uma amiga estamos indo agora em Abril pra lá e só fiquei assustada com alguns outros blogs que contam sobre estrada bloqueada por mal tempo ou coisas do tipo..Você acredita que neste período (Abril) corro este risco? Outra dúvida, esse ônibus lota? Fico com receio de deixar para comprar na hora e não conseguir vaga. Estou avaliando também a viagem de barco, mas realmente é caríssimo...Agradeço. Abraço!

  12. Luciana says:

    Não tenho como opinar sobre o tempo, mas pegamos muita neve no alto das montanhas em julho e não tivemos nenhum problema no caminho. Parece ser uma rota muito usada inclusive por trabalhadores. Eu imagino que as estradas que ficam bloqueadas por dias com o mal tempo sejam para outros destinos. O meu ônibus estava totalmente cheio. Eu não compraria a passagem no mesmo dia não. Em algum comentário eu disse que fomos na rodoviária um ou dois dias antes da viagem, para já comprar. É isso que eu recomendo! A rodoviária é pertinho do centro, você perderá uma meia hora para resolver isso. Boa sorte e boa viagem!

  13. Anônimo says:

    Luciana.

    Parabéns pelo post. Suas informações foram muito úteis. Obrigado.

    Gilberson

  14. Anônimo says:

    Luciana,

    Estava procurando em algumas empresas que fazem essa travessia e encontrei apenas por valores bem mais altos (inclusive no Andesmar)algo em torno de USD 160 por pessoa. Será que é a época ou o aumento pelo passar dos anos?
    Obrigada.
    Aline

  15. Luciana says:

    Aline, eu lembro que pagamos cerca de R$32,00 (reais) na passagem. Eu entrei agora no site da empresa e custa R$78,00. O que você deve ter confundido é que o símbolo da moeda é semelhante ao do dólar, mas no rodapé do site está escrito "os preços informados são em pesos argentinos". Para todos os dias que vi custa 200 pesos que, na conversão de hoje, fica R$78,00 na nossa moeda. Boa viagem!

  16. Luciana... excelente blog... adoramos esta possibilidade de cruzar de ônibus, em Setembro de 2013 estaremos "eu e esposa" em Bariloche, e estamos nos programando cruzar até Puerto Varas, poderia nos informar qual o link que vc consultou o ônibus no ultimo post. desde já muito obrigado.

  17. Anônimo says:

    Será que tem neve na travessia em janeiro?

  18. Luiz Bastos says:

    Fui de onibus de Puerto Varas a Bariloche - ida e volta 30.000 pesos chilenos. O onibus sai de Puerto Montt às 8:00 horas, passa em Puerto Varas ás 8:50 (embarquei aqui), para em Osorno, depois cruza a fronteira Chile - Argentina (há duas paradas, uma de cada lado, total de 1:30 hora parado), chega em Bariloche às 14:30. Na volta o onibus sai de Bariloche às 8:00 hs, a parada na alfandega do Chile foi mais demorada, total de duas horas entre as duas paradas. A empresa é a Cruz del Sur, onibus feito no Brasil, não é leito, banheiro e "lanchinho" bem simples. Recomendo levar agua e algo para comer. Chega em Puerto Varas por volta das 15:00 horas. Poucos brasileiros, alguns europeus, e a maioria passageiros locais. Link para a empresa Cruz del Sur: http://www.busescruzdelsur.cl/VEL/

  19. Lua says:

    Fabio Barbieri, eu tenho a mesma dúvida que você. Onde está esta estrada no Google Maps? Parece impossivel uma estrada com menos de 11 horas de viagem de Puerto Varas a Bariloche. Você descobriu?

  20. Olá Fábio e Lua, na verdade não foram mapeadas, pelo google maps, essas estradas. A região só é vista via satélite.

Leave a Reply